5 Situações que podem levar você ao ganho de peso e como contra atacar!

imagem 1Se você tem uma barriguinha como a do lado cuide-se, pois existem várias fases da vida em que, caso haja um descuido podemos ganhar 3, 4, 5 quilinhos a mais. Quase sempre, esses momentos estão ligados a mudanças que mexem com a rotina, fazem a ansiedade disparar ou a tristeza aparecer. E para compensar, atacamos chocolates, biscoitos, salgadinhos na tentativa de acabar com o turbilhão de emoções e rebater o stress.

Quer a Solução?

Vou mostrar para você, algumas fases de nossas vidas que podem se transformar um risco para a balança e te ajudar a organizar o contra ataque. Não deixe a compulsão bater forte em sua porta e não caia na cilada de não conseguir mais vestir aquele jeans que você tanto gosta.

Vamos lá então!!!

Você pode engordar se… Estiver estudando a todo vapor!

imagem 2

Além da pressão de passar num vestibular, numa prova de um concurso ou até mesmo para uma entrevista de emprego, por vezes você tem que ficar controlando a compulsão por beliscar o tempo todo. Na hora de estudar, os salgadinhos, balas e bombons ocupam as mãos para driblar a ansiedade e garantem a falsa sensação calmante. Quem passa o dia debruçada sobre os livros pode ter o péssimo hábito de pular o almoço ou o jantar para otimizar o tempo. Puro engano: por não ter se alimentado direito, a gente se permite uma barrinha, uma fatia de queijo, que pesam na balança e ainda prejudicam o desenvolvimento intelectual.

Como contra atacar?

Assim como é fundamental planejar um cronograma para dar tempo de estudar tudo que foi proposto, organizar a alimentação nesse período evita que o ganho de peso vire outro fator de stress. Estabeleça e respeite horários rígidos para as principais refeições. Na hora de comer saia do ambiente de estudos, faça seu prato, sente-se e transforme esse momento na sua hora de descontração e descanso. Não coma diante da TV, nem lendo e nem falando ao celular. Preste atenção no que está comendo e depois volte renovada para mais uma etapa de estudos.

Você pode engordar se… Brigar com o namorado!

imagem 3

Tem gente que emagrece muito, não entra nada no estômago, é verdade. Mas a maior parte das mulheres acaba mesmo é engordando quando perde o namorado ou o marido. Isso acontece com mulheres que já apelam para a comida como válvula de escape e nessa situação cometem ainda mais excessos.

Como contra atacar?

Quanto mais alimentos refinados (que se transformam rapidamente em glicose) entrarem no seu cardápio, mais insulina seu organismo produz. Isso além de favorecer o estoque de gordura, diminui a serotonina (substância responsável pelo seu bem estar) circulante no organismo. O processo vira uma bola de neve, o corpo se acostuma ao doce e pede porções cada vez maiores. A saída é trocar alimentos gordos e sem valor nutricional por coisas gostosas e saudáveis como as frutas por exemplo. Eu sei, você deve estar pensando agora, ahhh mas nada como um bom chocolate para acalmar. Mas pense comigo amiga, na hora que você devora uma caixa de bombons, não está repondo o carinho que perdeu, está sim dilapidando sua autoconfiança o que afeta sua auto-estima e por tabela a chance de um novo amor.

Você pode engordar se… Ficar grávida!

imagem 6

O grande mito é que durante a gravidez você pode e deve comer de tudo e por dois. Quando fiquei grávida de minha filha tive muita fome e acabei engordando 20 quilos. Eu sei, durante essa fase não fui exemplo, mas pela minha experiência posso dizer, realmente não se pode comer por dois. É claro que devemos ter uma atenção mais do que especial nessa fase com a alimentação. Eu aprendi que o mais importante vem da qualidade dos alimentos e não da quantidade.

Como contra atacar?

Preste atenção nos alimentos que você coloca em seu prato, e o ideal mesmo seria a ajuda de uma nutricionista nesse momento, pois ela irá te orientar adequadamente nesse período.

Não caia mesmo na cilada de comer por dois, e após o parto a amamentação irá te ajudar a voltar ao peso de antes. Quem fica acordada de madrugada por causa do bebê, pode cair na tentação de visitar a geladeira mais do deveria e se isso acontecer tome um copo de suco natural, beba chá ou coma uma fruta, combinado?

Você pode engordar se… Perder o emprego!

imagem 4

A angústia de perder um emprego ou até mesmo a dificuldade de conseguir um ao terminar uma faculdade, pode fazer você infeliz, com preguiça de se exercitar e até mesmo de seguir uma dieta. Desemprego é sinônimo de instabilidade e pouco dinheiro e não dá para pagar a academia ou muito menos investir numa consulta com uma nutricionista. Pior: ser demitida ou preterida por outra candidata a uma vaga bate direto na auto-estima. Isso dá uma sensação de estar incompleta e a comida vem preencher essa fome emocional.

Como contra atacar?

Parece difícil nessas horas pensar com clareza, mas é importante tomar consciência de que o exagero na comida pode se tornar uma vingança contra você mesma. É uma forma errada de canalizar a raiva, portanto vire o jogo, aproveite que está mais tempo em casa e prepare refeições saudáveis, organize cardápios gostosos e magros, aprenda a preparar pratos rápidos em vez de descongelar a lasanha pronta. Assim você evita um efeito colateral – sabe quando a gente fica em casa sem fazer nada e abre a geladeira para beliscar o tempo todo? Com o plano mestre cuca, você transforma a cozinha num ambiente amigo e não numa ameaça. Mas claro, se você precisa sair de casa e vive na rua, de entrevista em entrevista, o jeito é apelar para restaurantes por quilo e optar por boas combinações saudáveis. E nada de cair em tentação de comer uma coxinha ou um pastel frito certo!

Você pode engordar se… Casar!

imagem 5

Depois do casamento a gente se acomoda um pouco, achando que não precisa mais se cuidar porque arrumou marido. Não se trata apenas de relaxar com a aparência, pois casar, morar junto ou sair da casa dos pais implica uma grande mudança de habito. Além da ansiedade natural da adaptação, há as diferenças no modo de se alimentar – menos comida caseira, mais congelados e fast foods , leia-se disque pizza etc… Claro, você não vai esperar isso tudo para tomar uma atitude.

Como contra atacar?

A palavra chave nessa situação é cumplicidade, casal que emagrece unido consegue perder e manter o peso de forma definitiva. Quando a mulher tenta seguir uma dieta sozinha, o parceiro pode virar um boicotador se não for convencido a entrar no mesmo estilo saudável de alimentação. E para convocar o maridão a adotar um cardápio mais leve, apele para a vaidade masculina amiga. Nenhum homem gosta de ter sua barriga como alvo de comentários entre os amigos. E cá entre nós, eles encaram os desafios com maior facilidade, pois são mais práticos por natureza.

Se você está diante de uma dessas fases, ou até mesmo em mais de uma delas, não desanime. Use as dificuldades a seu favor, seja determinada e dê a volta por cima de situações que com certeza são passageiras sendo boas ou ruins. Você sabe da importância de uma alimentação saudável para uma vida mais feliz e que de quebra lhe proporciona um corpo mais bonito e atraente.

Projeto Eu Magra

Qualquer dúvida entre em contato com a gente!

Um beijo e até a próxima

Valeska Marcinichen